CASA CIVIL DO GABINETE DO PREFEITO

Acessibilidade

PORTARIA SECRETARIA MUNICIPAL DE COORDENAÇÃO DAS SUBPREFEITURAS - SMSP/SP/SM Nº 11 de 26 de Maio de 2015

CRIA A COMISSAO DE AVALIACAO DOS PONTOS DE VENDA DE COMIDA DE RUA E, ESTABELECE PROCEDIMENTOS DE SEU FUNCIONAMENTO. REVOGA P 23/14(SMSP/SP/SM)

PORTARIA 11/15 - SP/SM/SMSP

DE 25 DE MAIO DE 2015

FABIO SANTOS DA SILVA, Subprefeito de São Mateus, no uso de suas atribuições legais, e

CONSIDERANDO a edição do Decreto 55.085 de 06 de maio de 2014, o qual regulamenta a Lei 15.947 de 26 de dezembro de 2013, que dispõe sobre as regras para comercialização de alimentos em vias e áreas públicas – comida de rua;

CONSIDERANDO a edição da orientação normativa nº 01/SMSP/2014 de 16 de maio de 2014;

CONSIDERANDO o possível interesse por pontos de venda desse tipo de comércio no território da Subprefeitura de São Mateus;

CONSIDERANDO o interesse público pela comida de rua na retomada do uso dos espaços públicos da cidade;

CONSIDERANDO a necessidade de garantir padrões de higiene alimentar nesse tipo de comércio;

RESOLVE:

1 - Criar a Comissão de Avaliação dos Pontos de Venda de Comida de Rua e estabelece procedimentos de seu funcionamento nos termos do artigo 14º do Decreto 55.085/2014, composta por:

Luiz Carlos Rodrigues Garcia – RF 740.376-3 (Presidente)

José Francisco de Campos – RF 733.569-5 (membro)

Fabio Santos da Silva – RF 777.633-1 (membro)

Edgard da Fonseca Suzano Junior – RF 805.846-6(membro)

Álvaro de Abreu Alves – RF 541.384-2 (membro)

2 - A Comissão tem como atribuição a avaliação dos pontos de venda de comércio de rua.

3 - A Comissão receberá as propostas e procederá a análise preliminar de viabilidade, de acordo com os critérios estabelecidos pelo Decreto 55.085/14 e pela Orientação Normativa 01/SMSP/2014, submetendo-o à CET para emissão de parecer técnico nos casos de alimentos comercializados em veículos automotores.

4 - Após a conclusão da análise preliminar, a Comissão divulgará no DOC data, horário e local da sessão de seleção pública.

Parágrafo único: em caso de empate a proposta vencedora será escolhida por sorteio na própria sessão de seleção pública.

5 - A Comissão divulgará o resultado da seleção das propostas no DOC e no Portal da Prefeitura do Município de São Paulo, especificando o ponto, a categoria do equipamento, os alimentos a serem comercializados, o horário de atuação e o nome do permissionário, e eventuais equipamentos adicionais.

6 - A Comissão procederá à avaliação final da documentação apresentada e encaminhará parecer, em cinco dias úteis, para despacho referente à permissão de uso, ao Subprefeito, nos termos do Decreto 55.085/14.

7 - A Comissão será responsável por manter atualizado um cadastro dos TPUs, em banco de dados em que constem as informações necessárias para a correta localização do ponto.

8 - Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação, revogando a Portaria nº 23/SP-SM/2014.