CASA CIVIL DO GABINETE DO PREFEITO

Acessibilidade

COMUNICADO SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE - SMS/COGEP Nº 1 de 4 de Fevereiro de 2020

Comunica que os profissionais ocupantes de cargos, funções, empregos e proventos públicos pertencentes ao Quadro da Saúde - QS, em exercício nas unidades integrantes da Secretaria Municipal da Saúde - SMS, deverão preencher a Declaração de Acúmulo de Cargos referente ao exercício de 2020.

DIVISÃO DE PLANEJAMENTO DE PESSOAL

COMUNICADO Nº 001/2020-SMS.G/COGEP

A Senhora Coordenadora de Gestão de Pessoas - COGEP/SMS, no uso das suas atribuições legais, e,

Considerando:

- o parágrafo único do artigo 32 da Lei nº 16.122/2015, que dispõe sobre a OBRIGATORIEDADE dos profissionais da Saúde prestarem declaração de acúmulo de cargos ANUALMENTE ou sempre que a sua situação profissional sofrer alterações,

- o artigo 4º do Decreto nº 55.068/2014, que institui a Comissão de Avaliação de Acúmulo de Cargos, Empregos ou Funções do Gabinete da Secretaria Municipal da Saúde – CAAC-SMS-Gabinete, e as Comissões Setoriais de Avaliação de Acúmulo de Cargos, Empregos ou Funções – CSAAC’s das Coordenadorias Regionais de Saúde - CRS’s Norte, Sul, Centro, Oeste, Leste, Sudeste, Coordenação de Vigilância em Saúde – COVISA, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU, Complexo Regulador de Urgência e Emergência–CRUE e Hospital Municipal Maternidade Escola Dr. Mário de Moraes Altenfelder Silva – HMME.

- a necessidade de estabelecer fluxos e prazos referentes às Declarações e os Expedientes de Acúmulo de Cargos para o exercício de 2020.

COMUNICA que os profissionais ocupantes de cargos, funções, empregos e proventos públicos pertencentes ao Quadro da Saúde - QS, em exercício nas unidades integrantes da Secretaria Municipal da Saúde - SMS, deverão preencher a Declaração de Acúmulo de Cargos referente ao exercício de 2020.

Estão ainda sujeitos à análise de acúmulo de cargos que trata este comunicado os profissionais da Saúde nomeados para cargos de provimento em comissão bem como os cedidos ao Município de São Paulo, em razão do convênio celebrado no âmbito do SUS ocupantes de cargos/funções, correspondentes aos referidos na Lei nº 16.122/2015, em exercício nas unidades de saúde da rede direta.

As Declarações de Acúmulo de Cargos preenchidas deverão ser encaminhadas às CSAAC’s acima mencionadas ou aos equipamentos/setores que compõem sua região/unidade, conforme modelo padronizado constante no ANEXO ÚNICO deste comunicado.

É de responsabilidade das chefias das unidades/setores dar ciência aos profissionais da Saúde abrangidos por este comunicado, solicitando o preenchimento do formulário: Declaração de Acúmulo de Cargos, IMPRETERIVELMENTE ATÉ 17/04/2020.

A unidade de prestação de serviços do profissional da Saúde que atestar não estar em regime de acumulação de cargos DEVERÁ ARQUIVAR O FORMULÁRIO no prontuário local e informar a CSAAC de sua área.

O profissional da Saúde que se encontrar em regime de acúmulo de cargos DEVERÁ, após o preenchimento da Declaração e do Expediente de Acúmulo de Cargos, providenciar em até 15 (QUINZE) DIAS o respectivo Atestado de Horário, em sua via original com assinatura e carimbo legível de sua CHEFIA IMEDIATA.

O Atestado de Horário do profissional da saúde que presta serviços em unidades da SMS DEVERÁ SER PREENCHIDO EM INSTRUMENTAL PRÓPRIO da Pasta da Saúde. Os atestados de horário, que são de vínculos exercidos em outras secretarias/órgãos DEVERÃO CONTER TODOS OS DADOS QUE PROPICIEM A ANÁLISE DO ACÚMULO DE CARGOS, quais sejam:

* Local, nome, endereço e telefone da unidade onde o servidor exerce suas atividades,

* Nome, provimento e natureza do cargo/função que exerce nos termos da Lei 16.122/2015,

* Carga horária semanal e respectiva distribuição da jornada de trabalho, discriminando o início e o fim do período;

* Tempo de Locomoção de um vínculo para o outro e;

* Data e assinatura da chefia imediata com o carimbo legível (nome, cargo exercido e Registro Funcional).

Na hipótese do profissional ocupar dois cargos na PMSP, exercendo-os em diferentes CRS ou em diferentes unidades de RH (COVISA, SAMU ou HMME Dr. Mário de Moraes Altenfelder Silva), a Declaração e o Expediente de Acúmulo serão iniciados pela UNIDADE EM QUE O SERVIDOR POSSUIR O VÍNCULO MAIS ANTIGO, exceto quando a prestação de serviços, em um dos vínculos, se der no Gabinete da Secretaria Municipal da Saúde. Neste caso este será deflagrado pela CAAC/SMS-Gabinete.

O não comparecimento do Servidor para prestar a Declaração de que trata este comunicado, dentro do prazo acima estabelecido, bem como a não entrega dos Atestados de Horário, corretamente preenchidos dentro do prazo estipulado acima, deverá ser informado à respectiva CSAAC que procederá com a CONVOCAÇÃO do servidor no DOC-Diário Oficial da Cidade, objetivando eventuais esclarecimentos. O não atendimento a esta convocação ensejará o envio de toda documentação do servidor com esta pendência à CAAC/SMS-Gabinete para demais providências.

O profissional da saúde que se encontrar de FÉRIAS, LICENÇA MÉDICA, LICENÇA SEM VENCIMENTOS OU COMISSIONADO EM OUTROS ÓRGÃOS, deverá preencher a Declaração de Acúmulo de Cargos no primeiro dia útil pós-cessação das situações citadas ou assim que reiniciar suas atividades e, estando em regime de acúmulo de cargos, deverá apresentar os Atestados de Horário em até 15 (QUINZE) DIAS a contar da data do preenchimento da Declaração.

O profissional da Saúde que se encontrar ACUMULANDO CARGOS ATIVOS OU COMISSIONADOS COM PROVENTOS deverá preencher a Declaração de Acúmulo de Cargos e o Expediente de Acúmulo de Cargos. Neste caso o acúmulo será analisado e tornado lícito ou ilícito apenas avaliando se os cargos são passíveis de acumulação, conforme as exceções previstas no artigo 37 da Constituição Federal de 1988.

O profissional da Saúde que se encontrar ACUMULANDO CARGOS ATIVOS OU COMISSIONADOS COM LICENÇA SEM VENCIMENTOS deverá preencher a Declaração de Acúmulo de Cargos e anexar a comprovação da Licença com a data fim. A CSAAC deverá manter sob custódia, até a data do retorno do servidor, ocasião essa que deverá ser iniciado os trâmites referentes à apuração do Acúmulo de Cargos.

O servidor convocado para cumprimento de JET – JORNADAS ESPECIAIS DE TRABALHO deverá apresentar a Declaração de Acúmulo de Cargos e o Expediente de Acúmulo por ocasião da renovação ou cessação da JET.

Após o recebimento dos Expedientes de Acúmulo de Cargos e dos Atestados de Horário, as CSAAC’s deverão observar se os instrumentais estão corretamente preenchidos com todas as informações necessárias à análise e se estão datados e assinados. Caso contrário, deverão retornar à unidade para que o servidor providencie o preenchimento correto dos formulários sendo devolvidos, no prazo máximo de 15 (quinze) dias.

As CSAAC’s deverão proceder à análise e julgamento dos expedientes de acúmulo e seus respectivos Atestados de Horário e, posteriormente, publicar os acúmulos que estiverem lícitos. Os Expedientes de Acúmulo que apresentarem ilicitude, depois de esgotadas todas tentativas de regularização na própria CSAAC, deverão ser encaminhados à CAAC/SMS-Gabinete para convocação em DOC, objetivando a regularização da situação funcional.

Os profissionais da Saúde que se encontram prestando serviços no Gabinete da SMS terão os seus Expedientes de Acúmulos de Cargos analisados pela CAAC/SMS-Gabinete.

ANEXO ÚNICO

COMISSÃO PERMANENTE DE AVALIAÇÃO DE ACÚMULO DE CARGOS PÚBLICOS

CENTRO

LESTE

NORTE

OESTE

SUDESTE

SUL

COVISA

HMME

SAMU

SMS.G

IDENTIFICAÇÃO DO SERVIDOR

Nome:

Fone com.:

Celular:

E-mail:

RF:

Vínculo:

RG:

CPF:

Cargo Função:

Unidade/Setor:

Atendendo a solicitação do Disposto no Art. 32, da Lei nº 16.122/2015 o qual transcrevemos abaixo:

* Art. 32 - Em regime de acúmulo de cargos, inclusive em outros entes federativos, o profissional da saúde não poderá exceder a carga horária de trabalho semanal de 70 (setenta) horas.

Parágrafo único: Anualmente o profissional da saúde deverá prestar declaração de acúmulo de cargos, ou sempre que a sua situação profissional sofrer alterações.

Vimos, por meio deste instrumental, informar a necessidade da atualização da declaração de relação funcional com outros órgãos públicos, e solicitamos assinalar a situação em que se enquadra no momento:

1.Declaro que NÃO possuo outro cargo, emprego ou função pública federal, estadual, municipal ou órgão equiparado (Tribunais, Câmara, etc.), assim como em autarquias ou fundações públicas ou em empresa pública e sociedade mista dependente e suas subsidiárias, e também não recebo proventos de reforma, disponibilidade ou aposentadoria paga por Regime Próprio de Previdência Social.

 

2.Declaro que possuo outro vínculo público na PMSP, no cargo de

e entregarei o Expediente de Acúmulo de Cargos na Unidade/CRS:

3.Declaro que possuo outro vínculo público, no cargo de:

junto ao órgão:

da esfera:

Federal

Estadual

Municipal

Comprometo-me a entregar o respectivo Atestado de Horário, com a jornada que cumpro no órgão acima identificado, até o dia _______/______/_______, e tenho ciência de que deverei atualizá-la anualmente, ou sempre que ocorrer alteração da minha situação funcional.

4.Declaro que sou aposentado em vínculo público, no cargo de

junto ao órgão:

da esfera

Federal

Estadual

Municipal

As informações acima prestadas são de minha inteira responsabilidade. Declaro, ainda, estar ciente de que qualquer alteração na situação funcional constante desta declaração, deverei obrigatoriamente comunicar a URH Regional para as providências de nova Declaração e Publicação referente ao Acúmulo de Cargos.

Data:

____/ ____/ ______

Assinatura

Presenciamos a recusa do (a) servidor (a) em declarar o acúmulo de cargos em _____/_____/________

Nome:

RF:

Nome:

RF:

CONSULTA CNES:

____ /____ /_________

SITUAÇÃO:

( ) Regular ( ) Irregular ______________________________________________

Este texto não substitui o original publicado no Diário Oficial da Cidade de São Paulo